Uma decisão tomada pelo Instagram começou a preocupar a comunidade de fotógrafos, designers e outras categorias de artistas visuais. Aparentemente, sistemas de checagem de fatos da rede social passaram a marcar qualquer alteração realizada em uma imagem como “informação falsa” — o que prejudica bastante a visibilidade da publicação e o surgimento de conteúdos de determinados perfis no feed.

O fotógrafo Toby Harriman foi quem descobriu a novidade ao se deparar com o aviso de conteúdo falso em seu feed. Curioso, ele clicou para ver qual era a publicação denunciada pelos parceiros do Instagram e se deparou com uma imagem que mostra montanhas coloridas. O fact-checker, que é um ser humano e não um algoritmo, até indicou qual é a foto original na checagem.

Leia mais…

from Novidades do TecMundo https://ift.tt/2NMbmrl