Fortnite. Crédito: Epic Games

Na última quarta-feira (9), a Epic Games confirmou que a Apple encerraria a opção de fazer login usando o Apple ID em contas da Epic – o que atingiria também perfis de usuários no Fortnite que optaram pelo “Sign in with Apple”. Pois bem, eis que a companhia de Cupertino parece ter voltado atrás e continuará oferecendo essa possibilidade, embora isso não signifique algo definitivo.

A informação vem do CEO da Epic Games, que declarou no Twitter ter recebido uma “extensão indefinida” no prazo estipulado anteriormente pela Apple. Com isso, jogadores e desenvolvedores que ainda fazem uso da opção “Iniciar sessão com a Apple” ganharam uma sobrevida para acessar suas contas da Epic sem precisar trocar de e-mail.

No entanto, a própria Epic recomenda que os usuários façam exatamente isso: atualizem suas contas para outro endereço de e-mail, pois a desenvolvedora acredita que mais cedo ou mais tarde a Apple vai apertar o botãozinho vermelho de remoção. E dado o histórico das últimas semanas, é bem provável que isso aconteça de supetão, pegando a todos de surpresa.

Portanto, se você tem uma conta de desenvolvedor na Epic ou ainda tem o aplicativo de Fortnite instalado no seu dispositivo Apple, a recomendação é abrir as configurações gerais da sua conta na Epic Games, fazer login com seu Apple ID e editar o e-mail principal. Talvez isso não signifique muita coisa agora, enquanto as duas empresas estão em disputa judicial e os serviços da Epic seguem sem novas atualizações no iOS e macOS. Mas vai que algo mude, né?

Recapitulando o que tem acontecido: em agosto, a Apple bloqueou o app de Fortnite na App Store depois que a Epic Games adotou um sistema próprio de compras no aplicativo. Toda ferramenta hospedada na App Store que ofereça compras in-app paga uma taxa de 30% à Apple e, ao tentar burlar essa regra, a Epic sofreu as consequências. A Epic não teve muito para onde correr, já que, a partir dessas diretrizes impostas pela Apple, tanto as empresas quanto desenvolvedores não podem oferecer métodos alternativos de pagamento que não seja o da App Store.

O resultado do bloqueio de Fortnite provocou um efeito dominó nos serviços da Epic, que perdeu o direito de continuar com sua conta de desenvolvedor ativa. O próprio Fortnite deixou de receber atualizações na semana em que estreou uma nova temporada baseada nos Vingadores da Marvel. Quem possuía o app instalado no iPhone ou Mac ainda consegue jogar com outras pessoas, mas não é possível mais fazer compras no aplicativo, nem baixar os últimos updates do jogo.

Agora que as companhias estão em guerra nos tribunais, a Epic já conseguiu uma vitória. Apesar de Fortnite seguir bloqueado na App Store, a Justiça decidiu que a Apple não pode excluir jogos que utilizam a Unreal Engine, motor gráfico da Epic para games eletrônicos. Uma juíza declarou que a medida poderia ser prejudicial principalmente a desenvolvedores que fazem uso da tecnologia, uma vez que existem milhares de jogos e aplicativos na App Store que não são publicados pela Epic.

[Reuters, 9to5Mac]

The post Apple não vai mais remover login próprio em contas da Epic Games (o que não quer dizer nada) appeared first on Gizmodo Brasil.

Por Gizmodo Brasil
https://gizmodo.uol.com.br/apple-login-contas-epic-games/